sexta-feira, 18 de setembro de 2009

COMO OS TEMPOS MUDAM!

Antigamente, os homens que se auto-intitulavam "de Deus" matavam quem ousasse contrariá-los. Muitos quase foram mortos por dizer que a Terra era redonda ou que ela girava em torno do sol. Matavam impiedosamente os que conheciam o poder medicinal das plantas e que com elas faziam chás. À medida que estes "santos" envolviam-se com a política, as crueldades aumentavam e até mulheres eram queimadas vivas em fogueiras. Hoje, esses mesmos "homens de Deus" roubam descaradamente as pessoas através dos meios de comunicação, saqueiam os bolsos e as carteiras dos mais incaltos que vão aos seus templos, matam (a inteligência das pessoas) se for preciso, para conseguir uma boa oferta e nada, absolutamente nada acontece. Tudo vale quando a fé não é pequena e em nome de Deus pode tudo.

Um comentário:

janisléia disse...

Desconfiemos sempre que alguém solicitar, obrigatoriamente, dinheiro, nas casas de oração. O templo de Deus é a simplicidade, não tem paredes de concreto ou mármore, ou seja, o templo de Deus é o coração do Homem...